NÚMERO VERDE
800 201 725

Outras notícias

Rua dos Namorados de 24 de junho a 5 de julho Poderá entregar materiais como: Pequenos eletrodomésticos; Rolhas; Livros e revistas; CD’s/DVD’s; …

Um grupo de 40 alunos do Centro de Atividades de Tempos Livres da Cáritas Diocesana de Coimbra, a funcionar na Escola Básica …

A Praia da Tocha viu de novo reconhecida, pelo 34.º ano consecutivo, a sua qualidade balnear com a atribuição da Bandeira Azul. …

“Gestão de Resíduos: Desafios, Soluções e Experiências” foi o tema do XIV Encontro Nacional de Gestão de Resíduos, organizado pela APEMETA – …

🍏 INOVA-EM apresentou projeto de biorresíduos na Universidade Lusófona

“Gestão de Resíduos: Desafios, Soluções e Experiências” foi o tema do XIV Encontro Nacional de Gestão de Resíduos, organizado pela APEMETA – Associação Portuguesa de Empresas e Tecnologias Ambientais, em parceria com a ESGRA – Associação para a Gestão de Resíduos e com a Universidade Lusófona.

O vice-presidente da Câmara Municipal de Cantanhede e administrador da INOVA-EM, Pedro Cardoso, participou na sessão que decorreu no auditório da Universidade Lusófona, em Lisboa, tendo apresentado o projeto de gestão de biorresíduos em Cantanhede.

Na ocasião, o presidente do Conselho de Administração da empresa municipal apresentou o processo de implementação da operação “Cantanhede Recicla – Recolha Seletiva de Biorresíduos” e a campanha “Valorizar Sempre até à última… casca, espinha, folha, migalha…”, enunciando os ganhos, constrangimentos, dificuldades e as perspetivas e preocupações futuras.

“Apesar do caminho trilhado ser bastante positivo, estamos ainda muito longe das metas que ambicionamos e desejamos alcançar, e por isso já estamos a preparar novas estratégias. Ainda assim, não deixa de ser relevante que no universo dos 36 municípios da área de intervenção da ERSUC [empresa pública supramunicipal que gere a recolha, tratamento e valorização dos resíduos sólidos na região Centro], o Município de Cantanhede esteja a contribuir com cerca de 30% dos biorresíduos rececionados pela entidade gestora em Alta”, referiu.

O testemunho desta experiência positiva não apaga ou minimiza as grandes preocupações sobre os biorresíduos em termos futuros. “As metas definidas pela Agência Portuguesa do Ambiente nesta matéria são demasiado ambiciosas e praticamente inatingíveis. Só com um grande esforço e elevados investimentos financeiros se conseguirá atingir taxas de recolha satisfatórias. Neste momento um dos grandes problemas é a questão da sustentabilidade financeira”, complementou Pedro Cardoso, para quem é necessária “uma mudança urgente do modelo de governança, da legislação e uma melhor articulação entre o sistema em alta e baixa”.

“Não podem ser apenas os munícipes, com as taxas que pagam, e os municípios/empresas municipais a suportar os custos, enquanto os lucros ficam para o sistema em alta e os agentes económicos”, criticou.

O encontro, que contou na sessão de abertura com a presença do secretário de Estado do Ambiente, Emídio Sousa, dividiu-se em quatro painéis: Painel I – Uma Visão sobre o Setor; Painel II – As Entidades Gestoras e o Desafio das Embalagens não declaradas;  Tecnologias & Serviços para o Setor dos Resíduos – Pitch Tour pelos Stands; Painel III – O Estado da arte da Recolha de Biorresíduos – testemunhos e experiências; Painel IV – Oportunidades de Financiamento do Setor – que possibilidades existem face às necessidades de investimento?

CONTACTOS

SEDE

Zona Industrial de Cantanhede Apartado 57
Email: geral@inova-em.pt
Telefone: 231 410 830
Email: geral@inova-em.pt

ATENDIMENTO COMERCIAL

Loja do Cidadão de Cantanhede
Rua dos Bombeiros Voluntários, 7​
3061-909 Cantanhede​
Telefone: 231 423 850​
Telefone: 231 423 851​
Email: loja@inova-em.pt​

NÚMERO VERDE

LEITURAS, AVARIAS E RECOLHA DE
MONSTROS E VERDES

800 201 725

INOVA-(TE)

E ADERE AO BALCÃO DIGITAL
DESEJA ADERIR AO BALCÃO DIGITAL?