Loja do Cidadão abriu em Cantanhede

Já está a funcionar em Cantanhede a segunda Loja do Cidadão do Distrito de Coimbra, a primeira 2G (de segunda geração), ao abrigo de um protocolo celebrado em 16 de Janeiro de 2009, entre a Câmara municipal e a Agência para a Modernização Administrativa. Instalada no antigo Quartel dos Bombeiros Voluntários, que para o efeito foi sujeito a obras de recuperação e adaptação, a nova estrutura de atendimento é baseada num conceito que aposta na concentração de serviços públicos da administração central e local e serviços privados conexos, em função da procura e das necessidades identificadas.

A inauguração foi em 29 de Março, numa cerimónia que contou com a presença da Secretária de Estado da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, do Presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, João Moura, do Presidente do Conselho Directivo da Agência para a Modernização Administrativa, Elísio Borges Maia, e do Presidente da Estrutura de Missão das Lojas do Cidadão, Eduardo Feio.

Entre as individualidades presentes encontrava-se a Vice-Presidente da autarquia cantanhedense, Helena Teodósio, e os Veradores José António Pinheiro e Pedro Cardoso, bem como presidentes de Câmara, deputados e representantes de diversas entidades públicas e privadas.

No seu discurso, a Secretária de Estado começou por agradecer ao Presidente da Câmara, “pela sua adesão a este projecto, pela sua colaboração efectiva para que esta loja fosse uma realidade no seu Concelho, pela sua certeza de que juntos vamos mais longe na missão de modernizar os nossos serviços, com os cidadãos e para os cidadãos. Todos sabemos que nunca é tão simples chegar aqui como parece hoje, temos sempre que fazer muito por isso, muito mais do que nós próprios imaginamos quando começamos. Obrigada de novo, muito obrigada ao Senhor Presidente e a todos os que permitiram a abertura desta Loja do Cidadão”, sublinhou.

Por seu lado, o Presidente da Câmara Municipal salientou que “a instalação de uma Loja do Cidadão 2G em Cantanhede traduz um investimento efectivo do Município de Cantanhede no aumento da capacidade de resposta às necessidades dos indivíduos e das empresas do Concelho e da região relativamente à obtenção de documentos e outros procedimentos administrativos.

Para João Moura “não podia ter sido dada melhor utilização a este antigo Quartel dos Bombeiros Voluntários que a Câmara Municipal adquiriu à Associação Humanitária, um imóvel que com localização privilegiada no perímetro do centro urbano da cidade e que dispõe de excelentes acessos e de espaços adequados para estacionamento”.

O líder do executivo camarário afirmou ainda que “a abertura da Loja do Cidadão 2G em Cantanhede tem para nós um grande significado, sobretudo por razões directamente relacionadas com a utilidade de uma estrutura de serviços tão abrangente, mas também porque representa o reconhecimento da centralidade de Cantanhede e da sua vitalidade económica e social”.

Conforme adiantou João Moura, “é com muita satisfação que vemos a partir de hoje a funcionar em Cantanhede esta estrutura que, com o variado leque de serviços disponíveis, representa um enorme benefício não apenas para os munícipes deste Concelho mas também para as populações de outros Municípios limítrofes. No que diz especificamente respeito aos serviços municipais, o balcão irá atender e encaminhar a maioria das situações que actualmente são tratadas no edifício dos Paços do Concelho, além de que passará a funcionar aí o atendimento público da INOVA-Empresa Municipal”, concluiu.

About the Author